Como Começar Um Negócio Online Do Zero

Como Começar Um Negócio Online Do Zero

 

Eu sei o que você pode pensar disso : – Começar um Negócio Online do Zero deve ser muito difícil, deve dar muito trabalho.  Deve levar anos para dar certo e começar a ter resultados…

E vou te dizer – Até certo ponto você tem razão.  Não é fácil, mas é relativamente simples.  Dá trabalho, sim! Aliás, sem trabalho, não existe negócio que dê certo.  E o tempo para dar os primeiros resultados?  Olha só, para isso é que vou colocar aqui uma sequência de 6 passos de uma fórmula comprovada de Como Começar Um Negócio Online Do Zero rapidamente.

Eu disse – trata-se de uma fórmula comprovada que, se você aplicá-la corretamente, ela serve para todos os seus projetos, e fará que você tenha garantia de sucesso no mundo digital. Então vamos aos 6 Passos Para Criar Seu Projeto Profissional na Internet.

 

1 – Defina qual será o seu público alvo.

Neste primeiro passo, você precisa definir em que nicho de mercado quer trabalhar. Aconselho que você escolha aquilo que você mais gosta. Há milhares de oportunidades de negócios na internet a sua disposição, para você escolher e começar a trabalhar.

Se você gosta do mercado de saúde, pode escolher produtos para alimentação saudável, ou produtos de emagrecimento. E aí entram ainda os micronichos, como, emagrecer se alimentando bem, emagrecer com exercícios físicos, emagrecer com alimentação saudável e exercícios etc.

Mas, se você prefere outro nicho, por exemplo, o de relacionamentos, poderá criar treinamentos e palestras sobre este assunto. Dar suporte a casais com problemas, como criar filhos, ensinar homens a conquistar mulheres, ou mulheres a conquistar homens.

 

2 – Crie seu próprio produto ou encontre produtos de terceiros para o seu nicho preferido

A forma correta de trabalhar pela internet e ganhar dinheiro com isso, ter um projeto de sucesso, depende de você ter seu próprio produto ou serviço, ou se afiliar com alguém que tenha um produto que atenda seu nicho preferido.

Você pode me perguntar: – Mas como vou criar meu próprio produto?  Olha só, aquilo que você tem de experiência de vida, na sua casa, na sua família, no seu trabalho, no seu círculo de amizades, no seu network, tudo isso pode lhe dar ideias de produtos que são procurados por pessoas que necessitam deles.

Se você pensar nos problemas que afligem as pessoas, e criar um produto que ajude a resolver um problema específico, é bem possível que você alcance sucesso com esse produto.

Mas você pode começar com produtos de terceiros que atendam o nicho no qual você pretende trabalhar. Você pode ser Afiliado de um Produtor, divulgar o produto dele e ganhar comissões que podem passar de 50%.

 

3 – Registre seu nome de domínio profissional

O seu nome de domínio é extremamente importante, pois será aquilo que as pessoas vão ver para acessar o seu site. Ele é a porta de entrada para quem quiser conhecer os produtos ou serviços que você vai comercializar.

Não use domínios ou subdomínios gratuitos, pois não geram credibilidade. Compre o seu próprio domínio, registrando (www.registro.br) um nome fácil de ser digitado ou memorizado. Ele também deve representar com clareza a sua ideia, o seu projeto, o seu produto ou produtos.

Encontre uma palavra chave, especial, única, que possa representar o seu negócio de forma simples e acessível a qualquer pessoa.  Assim o seu domínio se torna um grande aliado seu para divulgação do seu negócio.

 

4 – Crie Seu Website de Maneira Profissional

Quando você decide criar seu projeto de negócio na internet, indubitavelmente você vai precisar de um website. Este é um assunto muito amplo, pois seu site vai depender do tipo de negócio que você decide tocar.  De qualquer existem alguns princípios básicos que podem nortear sua escolha de site a criar.

  • Utilize cores e temas que gerem um Visual Leve e de Navegação Intuitiva, ou seja, será um site de fácil navegação.  É bom evitar usar muitos banners e informações misturadas junto com os posts.  Seja claro e agradável.  Ninguém gosta de entrar num site onde se sinta meio perdido em meio a muita informação e pisca-pisca de banners.
  • Utilize imagens leves e pequenas.  As imagens devem ser acompanhadas de frases que destaquem a ideia que elas querem mostrar.  Uma boa imagem fala por si mesma, ela deve expressar mais ainda o que você coloca no texto.
  • Utilize poucos vídeos diretos nas páginas do seu site. Deixe esse trabalho de armazenamento e navegação com o Youtube que é especialista no assunto. Lembre que vídeos pesam para a navegação.  Pense que você terá visitantes com modem 3g, com conexões lentas, ou morando em locais onde a internet ainda não tem a velocidade que seria ideal.
  • Não exagere nos apelos fazendo como faz a televisao em comerciais de eletrodomésticos:  é só até amanhã, não perca esta oportunidade, aproveite o desconto, você nem vai acreditar… Se você fizer isso, pode acreditar, acaba de perder o cliente que entrou no seu site.  Isso irrita as pessoas, porque não traz nada de novidade.
  • Importante é o conteúdo.  Você pode chamar a atenção do seu visitante no começo. Mas, na sequência, cative o visitante com um conteúdo que preencha a atenção dele porque realmente é do seu interesse.

Para isso você precisa conhecer o seu público, para oferecer o conteúdo que atenda alguma necessidade dele.

Aí você vai criar tamanha empatia com ele que vai sempre querer mais e mais.  Ele se tornará um assíduo frequentador do seu site e um possível excelente cliente para os produtos que você promover.

Para o visitante do seu site, a sua página de vendas deve parecer uma carta que você enviou ao seu amigo do peito para compartilhar com ele de uma excelente novidade.  E assim ele vai avaliar que você realmente está lhe oferecendo algo muito importante.

 

5 – Círculo de Presença On-line

Antes de você partir para divulgar produtos ou serviços que pretende vender, fortaleça sua imagem, sua presença na internet.  As pessoas precisam primeiro conhecer você, ter algum tipo de relacionamento para adquirir confiança naquilo que você fala para elas e só então receberem ofertas de produtos ou serviços.

Imagine se você estivesse andando pela rua, e fosse de encontro a uma moça que está vindo em sentido contrário e, sem mais nem menos, a pedisse em casamento. Certamente ela ia achar que você era algum louco, ou fora da casinha.

Em termos semelhantes, é o que acontece se um internauta entrar no seu site e se depara, de cara, com um monte de ofertas de produtos, sem conhecer você, sem saber quem você é ou o que você faz na vida. Terrível primeiro encontro!

Então crie sua presença online, ocupando espaços na internet onde costuma haver muita gente:

Tenha seu blog

Trate de problemas do nicho que você escolheu para trabalhar no passo 1.

Crie sua Fanpage no Facebook

Cubra necessidades do seu nicho de atuação.

Tenha seu canal no Youtube

Você pode postar vídeos e mostrar soluções simples para as necessidades da sua audiência.  O Youtube é uma das maiores e melhores fontes de tráfego orgânico.

Use o Google Plus

Lá você pode, como no Facebook, definir seu perfil e postar artigos relevantes para seu público.

Use sites de artigos

Poste artigos relevantes para o seu público. Como exemplo, existe o http://artigonal.com/ que permite publicar artigos por tipo de assunto.

 

6 – Atração de tráfego

Depois de você ter o seu site montado, o seu público definido, o produto que vai promover, chega a hora de atrair tráfego qualificado, obter os contatos e por consequencia poder vender. Agora, inicialmente, não é necessário ter milhões de visitantes eu seu blog / site.

O que interessa é atrair visitantes do seu nicho de mercado, visitantes qualificados, ou seja, que tenham interesse nos produtos, nas soluções que você oferece. Porque não adianta de nada ter milhares de visitantes diários se eles não forem qualificados, ou nao tiverem interesse no seu produto, ou forem apenas curiosos.

Esses nunca irão comprar, ou dificilmente irão se interessar pelo que você oferece. Mas, quando você atrai uma audiência de contatos qualificados, pertencentes ao nicho que é atendido pelo seu produto ou serviço, essas pessoas vão gostar de você e do que você vai lhes oferecer.

Outra dica – nem passe pela sua imaginação comprar listas de emails. Essas listas, em sua maioria, não são qualificadas, ou você não vai saber a que nicho pertencem. Listas compradas simplesmente não tem valor, porque os contatos não tem nenhuma intimidade com você, nem você com eles.

O dinheiro está na lista

Esta afirmação é usada há muito tempo e acredito que foram os americanos que, primeiro, se deram conta desta verdade e começaram a utilizar.  Na realidade, eu diria que O Dinheiro Está No Relacionamento Com A Lista.  Você deve, inicialmente, focar no Relacionamento com a lista e não em vender.

Vender será uma consequencia agradável para você e para os seus contatos. Quando?  Depois que eles passaram a acreditar naquilo que você oferece, porque, nessa altura, já terão recebido material gratuito de qualidade, dicas relevantes e, por isso, confiam naquilo que você fala e oferece. E em troca lhe deram seus dados, como, nome, email etc.

Alimente sua lista de contatos

Você precisa alimentar seus contatos, estando sempre em contato. Veja uma coisa, se você tem um amigo que mora longe, mas liga regularmente para você todas as semanas, você acaba sempre se lembrando dele e vai perceber que ele, por exemplo, não ligou para você nesta semana. E vai aguardar nova ligação dele.

O mesmo acontece com sua lista de contatos, quando você mantem contato regular com eles. Quando você envia um email semanal para eles, com algum conteúdo que lhes interesse, eles ficarão gratos a você, se tornarão seus fãs e vão seguir você naquilo que você fizer ou disser para eles fazerem.

Pense agora na sua vida real, quando alguém que frequenta a sua casa, sempre que vai, leva um presente pra você. E não está cobrando nada por isso.

O que vai acontecer com você?  Você ficará com vontade de retribuir de alguma forma os presentes que recebeu dessa pessoa.  Ou melhor, você vai se sentir na obrigação de retribuir o “favor”.  No marketing online chamamos isso de Sentimento de Reciprocidade.

Nos negócios online as pessoas vão ficar com o sentimento de gratidão por você e vão querer retribuir o que você deu a elas gratuitamente, comprando seus produtos, mesmo que não precisem deles.

E, quando você usa de verdade e sinceridade no seu marketing, fará com que as pessoas acreditem que seu produto é necessário para elas, mesmo que não achassem necessário antes de você oferecê-lo.

Então, tome atitudes de conquistar a confiança dos seus contatos primeiro, e só depois ofereça seus produtos.  O resultado será surpreendente.

O que oferecer à lista de contatos para conquistar a confiança

  1. E-books gratuitos.

    E-book é um livro digital. Ponto. Livros continuam ainda sendo os produtos mais vendidos no mundo todo. Um e-book, por ser digital, tem seu custo muito reduzido, facilitando assim divulgar de forma massiva pela internet.

    Importante:  Um e-book de bom conteúdo pode ser uma excelente ferramenta de atração de tráfego para seus produtos.

    Você pode criar um e-book com informações relevantes para o nicho da sua audiência, oferecê-lo gratuitamente em troca do nome e email de seus contatos e até permitir que seja reproduzido gratuitamente.  Isso vai gerar muito tráfego qualificado para seu blog ou site.

  2. Vídeos

    Atualmente os vídeos estão tomando conta da internet. O Youtube já passou de 1 Bilhão de usuários no mundo todo.  A quantidade de horas/mês que as pessoas assistem vídeos no Youtube aumenta 50% ao ano. 300 horas de vídeo são postadas por minuto no Youtube.  O Youtube só perde em volume de buscas para o Google que é seu dono.

    Então use vídeos com conteúdo para sua audiência e terá tráfego segmentado, qualificado para eles, GRATUITAMENTE, organicamente, sem custo algum.

  3. Newsletter, PDFs, Planilhas

    Pode parecer meio inocente oferecer uma planilha, ou uma newsletter, ou um relatório em PDF pedindo em troca o email de alguém.  Mas lembre sempre – se você está oferecendo algo relevante, um conteúdo que vá de encontro às necessidades do seu público, algo que vai resolver algum problema que o seu público tenha, alguma “dor”, pode ter certeza, isso vai fazer você ser lembrado e receber vários “Muito Obrigado”.

Bem. Em resumo, era isto que eu gostaria de passar a você de forma bem clara e sucinta sobre Como Começar um Negócio Online do Zero.  Espero de coração ter ajudado você com este post.

Agora, se você tiver interessado no Seu Negócio Online, Clique Aqui: Começar um Negócio Online do Zero e baixe o E-book gratuito do Junior Resende, meu Mentor de Negócios Digitais.

Quer mais informações?  Visite este blog de vez em quando: Coisa Digital.

Quer me seguir no FB?  É nesta Fanpage: A Coisa Digital.

 

Grande abraço e até a próxima!

tuschinsk

Website:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.